Aprenda a se relacionar com o visitante do seu site por e-mail, gerando oportunidade de negócios.

Muitas empresas utilizam o bom e velho email como estratégia de marketing. Quando utilizado de forma estratégia, ou seja, de forma planejada, sem excessos, com um conteúdo relevante e direcionado para o público correto ele pode trazer bons resultados em sua campanha de marketing digital. Neste artigo daremos maiores detalhes sobre como usar emails para gerar oportunidade de negócios.

Sabe aqueles e-mails que você recebe em sua caixa de entrada que são provenientes de empresas? Eles são uma boa estratégia de marketing direcionada ao seu público alvo. Isso acontece porque empresas consolidadas hoje se caracterizam primeiramente por uma boa estrutura de marketing.

A jornada começa quando o visitante do seu site deixa um email de contato

Inicialmente você precisa ter uma fonte para a captura de contatos. Na internet, isso se torna cada vez mais fácil devido às variadas ferramentas que são disponibilizadas. O site, por exemplo, pode ser um excelente catalisador de contatos. Quando bem trabalhados, futuramente esses contatos podem se converter em fechamento de negócios. Quer saber como? Pois nós damos uma dica: através da captação de e-mails.

Quando o usuário entra no seu site, você deve encarar como uma oportunidade de negócio. Afinal de contas, o papa do marketing, Philip Kotler aponta a atração de clientes como a etapa mais difícil e mais cara do processo de marketing. Dessa forma, você não vai querer desperdiçar um cliente potencial, vai?

Além de formas de manter o visitante do seu site entretido com conteúdo de qualidade e uma boa apresentação do que você oferece enquanto serviço ou produto, você não pode deixar de perguntá-lo qual seu nome e pedir uma forma de contato.

Já reparou que existem sites que são feras nisso? Logo que você entra, sobe um pop-up ou um chat para se comunicar com você e pedir seus dados. Você também pode verificar formulários flutuantes ou na lateral da tela. Todos estes recursos têm o mesmo objetivo: ter o seu contato. Afinal, se você entra em um site e fica lá por um tempo é muito provável que existe ali algo que realmente te interessa para consumo.

A grande questão é: que tipo de dados pedir?

Existem variados tipos de formulários. Desde os mais simples, que só pedem nome e telefone, ou nome e e-mail; até os mais extensos, com endereço, profissão, identidade etc. A nossa dica para você é seguir o popular “menos é mais”. Você só precisa saber o nome e mais um contato do visitante para falar com ele. Então, por que pedir mais?

Na escolha do contato, opte sempre pelo e-mail. Ele é o que te dará a oportunidade de realizar um recurso chamado automação de marketing. Desta forma, você se comunica de forma eficaz com seu lead (cliente potencial) por e-mail. Tudo acontece de forma automática, fazendo contato e nutrindo-o com conteúdo da melhor qualidade. Assim, você estará estabelecendo conhecimento mútuo e gerando confiança, que é a base de qualquer relacionamento.

Há casos onde indicamos incluir uma ou outra informação adicional. Além do nome e email obter o cargo da pessoa pode fazer sentido para saber se você está falando com o tomador de decisão. Porém, para aqueles que estão começando a trabalhar com email em sua estratégia de marketing digital sugerimos começar pela forma mais simples, solicitando apenas o nome e email.

Como se comunicar com seu lead e transformá-lo em cliente?

O contato por e-mail através da automação de marketing segue algumas etapas. Todas elas são baseadas numa relação. Assim, você não pede algo para uma pessoa que mal acabou de conhecer, pede? Claro que não… Pois são muito grandes as chances de levar um “não” e até acabar estragando uma relação antes mesmo de ela começar. Veja, abaixo, as etapas para você transformar e-mails em negócios.

  1. A primeira etapa de nutrição do seu lead é se apresentar e explicar o porquê de estarem se comunicando;
  2. Logo após, pode enviar a ele materiais interessantes sobre temas relacionados ao seu negócio. Procure focar na produção de conteúdo que auxilie o seu contato em uma determinada dor/problema que ele possa ter;
  3. Depois de alguns e-mails, o ideal é você medir o status desta relação, conversando. Pergunte abertamente o que está achando do seu material. Esta será uma excelente oportunidade de fazer correções na rota, sempre que identificar tal necessidade;
  4. Depois disso, fale que você tem um produto ou serviço de que ele possa gostar, que pode vir a resolver uma determinada dor/problema.
  5. Caso o seu contato demonstre interesse, aí então ofereça diretamente o seu produto/serviço;

Acredite: desta forma, são muito grandes as chances de você fechar mais negócios. Procure ter sempre em mente a importância de capturar emails para gerar oportunidade de negócios.

Achou interessante?

Então, saiba como nós fazemos a automação de marketing e como ela pode ser aplicada para sua empresa transformar e-mails em oportunidades de negócios.